Blog

Mulheres que marcaram história na arquitetura

Construção em container

Para comemorar o Dia Internacional da Mulher, preparamos uma lista com nove das principais mulheres que marcaram história na arquitetura.

Marion Mahony Griffin

Primeira da lista, Marion foi considerada uma pioneira da profissão, por ser a primeira arquiteta licenciada do mundo. Após concluir seus estudos no MIT (Massachusetts Institute of Technology), ela conseguiu um emprego com o também arquiteto Frank Lloyd Wright, onde trabalhava em projetos de arranha-céus. Entretanto, seus desenhos sempre eram creditados a ele. O reconhecimento chegou apenas um século depois, quando o historiador Reyner Banham a considerou a “maior desenhista de arquitetura de sua geração”.

Sophia Hayden Bennett

Uma das mulheres que marcaram história na arquitetura teve uma vida bastante difícil. A chilena Sophia foi a primeira pessoa do sexo feminino a se formar em arquitetura no MIT. Porém, seu currículo não facilitou a tarefa de encontrar um emprego na área. Por esse motivo, se inscreveu em uma competição para projetar o Edifício da Mulher e sagrou-se campeã. A construção, que faz referência ao renascentismo italiano, sofreu com diversos atrasos. Isso deixou Sophia em um estado extremo de tensão, fazendo com que ela fosse forçada a passar um período no sanatório. Muitos homens usaram esse exemplo para afirmar que mulheres não podiam trabalhar como arquitetas. E para piorar a situação, ela recebeu apenas mil dólares por esse projeto, um décimo do que os homens da época recebiam por um trabalho dessa magnitude.

Julia Morgan

Julia Morgan também merece espaço entre as mulheres que marcaram história na arquitetura. Outra desbravadora da profissão, ela foi a primeira mulher a estudar o assunto na Escola de Belas Artes, de Paris. Também foi a primeira pessoa do sexo feminino a trabalhar como profissional na Califórnia. Seu portfólio reunia mais de 700 construções, incluindo hospitais, casas e igrejas. Porém, seu projeto mais famoso é o castelo de Hearst, que fica na Califórnia. Em 2014, recebeu uma medalha de ouro póstuma do Instituto Americano de Arquitetura, sendo a primeira mulher a ter essa honra.

Zaha Hadid

E por falar em honrarias, Zaha Hadid é ganhadora de diversos prêmios por seus trabalhos conceituais. Também foi a primeira mulher a receber o Pritzer de Arquitetura, pelo conjunto de suas obras. Natural do Iraque, realizou projetos em países como Alemanha, Estados Unidos e França.

Denise Scott Brown

Junto com seu marido, Robert Venturi, Denise é considerada a arquiteta mais importante do século XX. Isso se deve não apenas por seus projetos, mas também pelos artigos que escreve sobre o tema.

Gae Aulenti

Essa italiana foi responsável pela revitalização do Museu d’Orsay, de Paris. Seu trabalho foi tão importante nessa construção que foi reconhecido pela União Internacional de Arquitetos, como um dos projetos mais importantes da história.

Julie Eizenberg

Seu principal ramo de atuação envolve a adaptação de construções históricas. Além disso, também tralha em projetos com inclinação social, como prédios educacionais, comunitários e habitações econômicas.

Kazuyo Sejima

Para fechar essa lista, escolhemos uma das mais talentosas arquitetas da atualidade. Seu portfólio reúne projetos inovadores, como o Serpentine Pavilion, localizado em Londres e o New Museum of Contemporary Art, de Nova York. Kazuyo também recebeu um Prêmio Pritzer, em 2010, por um trabalho realizado em conjunto com seu companheiro.

Redator Delta Containers

Sobre o autor

Redator Delta Containers

Escrito pela equipe de conteúdo da Delta Containers.

COMPARTILHAR

COMENTÁRIOS (0)
%d blogueiros gostam disto: